quinta-feira, 29 de maio de 2008

3 meses, E hora de MUDAR!

Sao 3 meses, 95 dias, 13 semanas, ja posso dizer que faz tempo que cheguei... 3 meses e muito tempo, em 3 meses mudam as estacoes, 3 meses e metade de um semestre da faculdade, e o tempo que eu vou e volto da praia todo fim de semana no verao...

Os ultimos dias me fizeram pensar sobre o que EU FIZ nesses 3 meses aqui. Todo mundo dizia: - Os 3 primeiros meses sao a adaptacao. Eles passaram, eu estou adaptada ao transito, a comida, ao clima, as roupas, a casa, mas nao sinto a felicidade que eu imaginava sentir por estar aqui. Quem me conhece sabe que eu sou eternamente insatisfeita, o que as vezes e bom, e as vezes e mau, como todo sentimento, insatisfacao depende da dose p/ virar veneno. Eu nao gosto de refletir a respeito de mim mesma, porque sempre encontro coisas que me incomodam e que eu, nao tenho coragem ou iniciativa de mudar, e assim e desde sempre!

Sobre a ausencia da tal felicidade, refletindo sobre os objetivos que me trouxeram aqui, vejo que a culpa e toda minha. Eu que prefiro dormir ao andar de bike ou caminhar enquanto reclamo que to gorda; Eu que ponho a culpa na falta de aigos para nao sair de casa quando sempre encontro defeitos nas pessoas que conheco; Eu que divido minha vida entre o que deixei no Brasil e o que vivo aqui, quando sei que so posso viver esse ano agora; Eu que foco no lado ruim das coisas, todos os dias.

Sempre acreditei que a felicidade e um estado de espirito, e que exatamente por isso, algumas pesosas brilham tanto, e outras parecem sempre apagadas. Desde que cheguei aqui eu sinto meu brilho indo, e indo e indo quando esperava so brilhar mais com essa experiencia.

Refletir sobre mim mesma essa semana me fez ficar muito triste com a forma que eu tenho encarado as coisas, eu que sempre defendi que a gente precisa dar uma chance para tudo na vida! Que vergonha. Enquanto eu podia ligar para todas as pessoas que conheco aqui e combinar de sair de casa para encontrar mais pessoas, fazer amigos, eu fico em casa lembrando dos meus amigos do Brasil e pensando em como todo mundo aqui e diferente deles. Obviamente ninguem e igual, e eu outra vez nao dou uma chance as pessoas e a mim mesma de conhece-las! Resultado: NADA!

Quantos dias legais eu ja pedir, quanto TEMPO eu ja perdi... Se antes eu tinha 12 meses para viver aqui, agora tenho so 9, que como esses 3 passarao voando, eu tenho certeza. E, por sorte eu acordei agora com 3 meses, pior, bem pior se ja nao desse mais tempo!

Preciso tentar viver minha vida aqui, com mais intensidade, preciso entender que nao e por nao ligar para o Brasil todo dia que vou deixar de amar as pessoas que estao la, so vou viver mais a minha vida aqui.

E o blog, quando eu deixei o Brasil era para ser meu diario, uma coisa feita de mim para mim mesma, mesmo que os posts fossem das minhas ideias delirantes, entao que sirva tambem para as minhas reflexoes.

Mudar e um exercicio diario, mas que eu preciso comecar hoje, agora!